Ligue agora +55 21 3988 6751 :: +55 21 97163 2879 ou MANDE UM EMAIL

Segurança

Home : : Segurança

Segurança


Segurança em cirurgia é um dos tópicos mais importantes deste site e da minha rotina de trabalho. Busco alicerçá-la em uma sólida formação profissional em centros de excelência, dentro e fora do Brasil. Fui aprovada e conquistei o Título de Especilaista pela SBCP/CFM/AMB e realizei fellowships nos Estados Unidos e na Turquia.

 

Apesar de tudo, é sabido da possibilidade de intercorrências, e da permanente presença de riscos, ponderáveis e imponderáveis, os quais obrigam o cirurgião a precaver-se e a buscar ao máximo todas as medidas possíveis e cabíveis para minimizá-los.

 

Sigo protocolos da Organização Mundial de Saúde, do Joint Comission, e as Diretrizes e recomendações da SBCP e da AMB/CFM.

 

Lancei mão de uma série de medidas como check-list (lista de verificações) ou time-out ,  procedimentos realizados antes da anestesia, com o paciente acordado, onde é confirmado com o mesmo e com toda a equipe medica e de enfermagem,  dados como, nome do paciente, a região a ser operada, tipo de cirurgia, se o  paciente apresenta alergias, se o material básico e especializado estão disponíveis, entre outras verificações.

 

Outra medida utilizada para segurança é a realização de cirurgias de médio e grande portes dentro de unidade hospitalares com CTI. Equipe de médicos anestesistas membros da Sociedade Brasileira de Anestesiologia e vivenciados na rotina da Cirurgia Plástica.

 

Profilaxia de tromboembolismo é uma das medidas de rotina em nossa equipe. De acordo com o escore de cada paciente, medidas como deambulação precoce, fisioterapia, analgesia, uso de meias compressoras, botas pneumáticas e até mesmo medicação anticoagulante se necessário, fazem parte dos protocolos de prevenção ao tromboembolismo, uma das mais temidas complicações em pós operatório de cirurgia plástica.

 

Rigoroso controle de infecção hospitalar, com cuidados na esterilização e preparo do material a ser utilizado. Central de Esterilização dos Hospitais devem seguir as normas da Vigilância Sanitária. O uso racional do antibiótico, quando necessário, e protege o paciente e reduz o tempo de internação hospitalar.

 

Todas essas medidas conjuntas fazem com que haja uma diminuição nas possibilidades de complicações trazendo mais conforto e segurança aos nossos pacientes.



Ligue agora +55 21 3988 6751 :: +55 21 97163 2879 ou MANDE UM EMAIL


  • Rio de Janeiro RJ.

    Rua Visconde de Pirajá, 595.
    Sala 1306 - Ipanema.
    Cep: 22410-003
    Telefone: +55 21 3988 6751

Copyright - Dra.Bianca Ohana - Todos os direitos reservados

Membro de:

Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica International Society of Aesthetic Plastic Surgery